Últimas Notícias
Capa » Exclusivo Ogâns

Exclusivo Ogâns

405 Pontos cantados na Umbanda

  1. Hino Da Umbanda
  2. Deu Meia-noite
  3. Exú Tranca Rua Das Almas
  4. Como É Lindo o Canto de Iemanjá
  5. 7 Flechas
  6. Dói, dói, dói, dói, dói (Pomba-Giras)
  7. Ogum
  8. Ponto De Todos Caboclos Da Umbanda
  9. Defuma Com As Ervas Da Jurema
  10. Preto Velho
  11. Ê, Caveira
  12. Pomba Gira Cigana da Estrada
  13. Festa Do Exú Tiriri
  14. Maria PAdilha ( de onde ela vem)
  15. Hino Dos Orixás
  16. Pontos de Iansã
  17. Pomba Gira Cigana
  18. Mamãe Oxum
  19. Atoto Obaluaê
  20. Maria Mulambo
  21. Exu Caveira
  22. Eu Abro a Nossa Gira
  23. Zé Pilintra Chegada
  24. Ponto de Maria Padilha
  25. Maria padilha das Almas
  26. Boemio da madrugada (Zé Pilintra)
  27. Moça Bonita
  28. Exú 7 Encruzilhadas
  29. Pombagira Rosa Vermelha
  30. Pai Xango
  31. Iansã
  32. Defumação de Ogum
  33. Pomba Gira Rosa Caveira
  34. Ogum beira-mar
  35. Saudação das 7 linhas
  36. Nesta Casa de Guerreiro
  37. Caboclo Sete Flechas
  38. Santo Antonio Pequenino
  39. Ogum Iara
  40. Oxossi (saudação)
  41. Oxalá meu pai
  42. Cobra Coral
  43. Ponto Para Dama da Noite
  44. Ogum (Sete Espadas)
  45. Zé Pilintra Oi Zé
  46. Exu Veludo
  47. Pomba Gira das Almas
  48. Pombagira Arreda Homem
  49. Exu Sete Catacumbas
  50. Ponto de Cigana II
  51. Tranca Ruas Dono do Meu Caminho
  52. Abertura da gira
  53. Exú Porteira
  54. Cabloco 7 Flechas
  55. Ogum Mege
  56. Oxóssi
  57. Preto velho 4 cantos da casa
  58. Saravá Iansã
  59. Defuma Filhos De Fé
  60. Vermelho e Negro
  61. Ô Jureminha, Ô Jurema
  62. Oração de Zé Baiano
  63. Maria Mulmabo, a Deusa Encantada
  64. Maria Farrapo (A Dona do Cabaré)
  65. Marinheiro
  66. To defumando
  67. Pombagira Sete Maridos
  68. Ogunhê
  69. É Mojibá
  70. Gargalhada
  71. Tata Caveira
  72. Pai Joaquim de Angola
  73. Rei da Demanda
  74. Vovó Catarina de Angola
  75. Exu Giramundo
  76. Lá No Portão – Exú
  77. Ponto De Abertura
  78. A historia de um certo Zé (Zé Pilintra)
  79. Ogum Rompe mato
  80. Ciganinha Menina
  81. Iemanjá
  82. Preta Velha Maria Redonda
  83. Marinheiro 2
  84. Baiano (chegada)
  85. Águas de Oxum
  86. Cigana do Oriente
  87. Ogum Guerreiro
  88. Ciganinha Ciganinha
  89. Caboclo Tupinambá
  90. Pai Joaquim de Angola (vovô)
  91. bAIANO bOM
  92. Cehegada de Zé Pelintra
  93. Oxalá
  94. Radio Patrulha
  95. Pomba Gira Cigana no Caminho do Terreiro
  96. Juremá
  97. Rompe mato caboclo
  98. Ogum de Ronda
  99. Ogum Chegou
  100. Deu meia noite
  101. Ponto da Cigana
  102. Festa Dos Pretos Velhos
  103. Caboclo Arranca Toco
  104. Portão do Cemitério
  105. Iansã e Iemanjá
  106. Ponto de pomba gira cigana
  107. Pomba Gira da Calunga
  108. Caboclos
  109. Preto Velho, Ponto 1
  110. Pai Oxossi
  111. Preto Velho Pai Joao
  112. Exú foi no Inferno
  113. Iansã Menina
  114. Cabocla Jurema
  115. Caboclo Ventania
  116. Cigana
  117. Exu Veludo (chamada)
  118. Lampiao Virgulino
  119. Ogum de Lei
  120. Eu Vou Fazer Batuque Pra Chamar Meu Protetor
  121. Iemanjá – Eu Fui Na Beira da Praia
  122. Oxum na cachoeira
  123. Clarão na encruzilhada
  124. ponto de preto velho(Pai Ântonio)
  125. Ogum bateu na porta
  126. Iemanja – Eu vou levar
  127. Saudação a Tranca Rua
  128. Pomba Gira Cigana Chegou!!
  129. Iansã do Balé
  130. Trabalhar para Quê?
  131. Cosme e Damião Cade Doun
  132. Cabloco Flexeiro
  133. Pomba Gira Formosa
  134. Pomba Gira do Cruzeiro
  135. Oxalá Meu Pai Tenha Pena de Nós
  136. Seu Zé
  137. Boiadeiro Camarada
  138. Casa de Exú
  139. Ogum (chegada)
  140. Iansã tem um leque
  141. Barraca Velha
  142. Abertura de Exu
  143. Ponto de Cigana III
  144. Força Bahiana
  145. Ogum Vence demanda
  146. Maria Padilha das 7 rosas
  147. Exú Não Brinca, Exú Não É de Brincadeira
  148. Preto Velho Subida
  149. Jurema filha de Tupi
  150. Sou Exu
  151. Seu Tiriri Chegou
  152. Cabocla Mariana
  153. Flor de Maio (Oxum)
  154. Cosme e Damião
  155. Filho de Nãna
  156. Baiano (Firmar ponto)
  157. Santo Antonio de Batalha
  158. Xango Justiça
  159. Pena Branca 3
  160. Iansã Santa Bárbara
  161. Defumação do Gongá Cruzado com Oxalá
  162. Baiano quem tem
  163. Cemitério É Praça Linda – Pomba Gira
  164. Quem nunca viu
  165. Ogum no seu cavalo branco
  166. Boiadeiro aqui choveu
  167. Abre a gira e pede licença
  168. Boiadeiro
  169. Mariazinha
  170. Xangô Caô
  171. Preto Velho quer trabalhar
  172. Exu Sete Covas – Chegada
  173. Oxossi Cabloco Roxo
  174. Oxum na Cachoeira 2
  175. Ze Pelintra já cumpriu sua missão
  176. Pomba Gira Rosa dos Ventos
  177. Oxossi na mata
  178. Saudação às 7 linhas
  179. Ogum Iê
  180. Pomba Gira Gargalhada
  181. Pretos Velhos Axé
  182. Abre Gira Fecha Gira juremá
  183. Ogum bera mar
  184. Umbanda cheirou
  185. Oxum Apará
  186. Baianos (chegada)
  187. Preto Velho Cade Rei congo
  188. Pisa no toco
  189. Mata da Jurema
  190. Cabocla Jandira
  191. Cade Pai Mané?
  192. Tranca Rua Me Abri o Terreiro!
  193. Pedrinho
  194. Iemanjá Foi na areia
  195. Iemanjá Janaina 2
  196. Xangô 1
  197. Ogum Megge
  198. Baiana Quebra Mandinga
  199. Seu Martinho Pescador
  200. Lamento da Cigana do Oriente
  201. Pomba Gira Sete Rosas
  202. Pedrinha
  203. Xangô Kaô
  1. Cosme e Damião (sua casa cheira)
  2. Severino Bahiano
  3. Boiadeiro cade BOIADA
  4. Exú é de querer
  5. Vestimenta de Caboclo
  6. Exu
  7. Iemanjá Janaina
  8. Boiadeiro toque o berrante
  9. Exu Sete da Lira
  10. Vovó Setesaias
  11. Sete Esquinas
  12. Oxum aieie…
  13. defumação
  14. Oxalá Cruzado com Tranca rua
  15. Abre a Gira com Oxalá
  16. Xangô 2
  17. Cabloco Oxala Chamou
  18. Linha de Oxum
  19. Que Moça É Aquela?
  20. Ogum Dilê
  21. Foi nas almas!
  22. Hino de Umbanda
  23. Maria Bonita
  24. Iemanjá rainha das ondas
  25. Boiadeiro Chetruá
  26. Me da um cigarro
  27. Ponto De Saudação À Oxalá
  28. Meu Pai Oxalá
  29. Yemanjá
  30. Chamada de baiano
  31. Pomba Gira Subida
  32. Caminho Escuro de Mulambo
  33. Zé Pelintra – Cidade das Torrinhas
  34. Segura o Coco
  35. Oxóssi assuviou
  36. Abre Gira Com Jurema
  37. Pai Joaquim Quando vinha da Bahia
  38. Boiadeiro Laça a corda
  39. Santo Antonio
  40. Cavaleiro de Aruanda
  41. Balança a Figueira (Exú)
  42. Sao cosme e damiao
  43. Xango 4
  44. Marinheiro Navio Negreiro
  45. Oxum Viva Oxum
  46. Xango 3
  47. Cabloco Venceu Demanda
  48. Baiano sabe trabalhar
  49. Ogum Menino
  50. Segredo Na Lua (Maria Conga)
  51. Rompe mato
  52. Zer Pilintra Punhal de Aço
  53. Cabloco Sete Estrelas
  54. Iemanjá Rainha
  55. Exu Pedra Negra
  56. Oke Caboclo
  57. Na Cachoeira de Mamãe Oxum
  58. Preto Velho (cidade)
  59. Ogum não podia beber
  60. Oxossi Êeee
  61. Tupinamba na beira do Rio
  62. Preto Chamada de Pai velho
  63. Caminhando eu vi
  64. Pombagira Sob a Luz do Luar!
  65. Orixá Oxossi
  66. Mariazinha Sacode a Saia
  67. Pena Branca 2
  68. Cabloco Atirou
  69. Exu Guerreiro
  70. chamada
  71. Cabloco Pena Branca cruzado com Oxossi
  72. Molambo, Magia e Encanto
  73. Exu Mirim Subida
  74. Saudação Babalaô
  75. Valei-me Senhora Aparecida (Baianos)
  76. Ogum (subida)
  77. Iemanjá Na Beira do Mar
  78. Vovó não quer
  79. Encruzilhada
  80. Flores no Mar
  81. Passarinho Azulão
  82. Cruzamento de Terreiro
  83. Casa de Pombo
  84. Tranca Rua Elevação
  85. Meu Deus Como É Lindo (Oxum)
  86. Caboclinho da Mata Virgem
  87. Caboclo Tupi
  88. tupinambá
  89. Tia Maria
  90. Pai João Cade vó Maria
  91. Agô Pai Ogum
  92. Fecha Gira
  93. Jurema Tem Pena De Mim
  94. Xângo vem do céu
  95. Orixá Oxóssi Jurema
  96. Praça Linda
  97. Caboclo Samambaia
  98. Kio Kio Sou o flecheiro
  99. João Baiano
  100. Como eu andei Maria Molambo
  101. Firma o Conga
  102. Oxum Ori
  103. Mariazinha Rezando
  104. Preto Velho Vovó nao quer!!
  105. Preto Velho Campina
  106. Adeus Pomba Gira
  107. Guerreiro Da Mata
  108. Oh minha Santa barbara
  109. São cosme e São Damião
  110. Deixa Essa Pedreira Aí
  111. Cabloquinha da Jurema
  112. Jurema Onde esta?
  113. Baiano Lamp
  114. Onde está a Jurema
  115. Um Baiano
  116. Umbanda Oxalá
  117. Toco Preto
  118. Vovó caminda
  119. Za za za
  120. Caboclo Eru
  121. Oxossi Subida
  122. Iemanjá na praia Grande
  123. Mamae Iemanja Mamae sereia
  124. Exu Soltei um pombo
  125. Subida Dos Caboclos (Homenagem Ao Pedra Branca)
  126. São Jorge Vai Ser Meu Padrinho
  127. Na Família de Pombo-gira
  128. Fechamento
  129. Onde a Flecha Caiu
  130. cabolco Rompe matas
  131. Mariazinha 3 Estrelas
  132. Preto velho pode ser preto
  133. Preto Velho lampiao de vidro
  134. Boiadeiro Cirandeiro
  135. Cigana da Minha Devoção
  136. Saudar Oxalá
  137. Cosme (Subida)
  138. Baiano na caçada
  139. Rema a Canoa
  140. Lei da Floresta
  141. Seu Penacho é Verde
  142. Aieieu
  143. Iemanjá Linda Aruê
  144. Fechando a Gira
  145. Joga flores no mar
  146. Bate palmas a coroa
  147. Vovó Catarina de Angola dá
  148. Baianinha
  149. Gloria a Deus
  150. Caboclo Sete Penas
  151. Oxalá e eu
  152. Chicotinho Queimado
  153. Cigana Diana Braz
  154. Ogum Mando Recado Pra Exú Embora
  155. É o A, É o B (Preto Velho)
  156. Sereia
  157. O Lírio Do Cabloco
  158. Na sua Aldeia
  159. Mariazinha Subida
  160. Tupi Namba
  161. Boideiro da Bezala
  162. Tempo
  163. Seu Sete Ondas de Jesus de Nazaré
  164. Seu Agodô
  165. Saravá Babá (Preto Velho)
  166. Bananeira
  167. Um Patuá
  168. Cosme e Damiao colhendo as rozas
  169. Bahianao Malaquias
  170. Curibembé Seu Sete Flechas
  171. Subida de Maria Conga
  172. Cabocla Jurema Tronqueira
  173. Cao Odilê
  174. Se eu colhesse
  175. Pai
  176. Cabloco Nao tem Caminho
  177. Cabloquinho Nao Chore
  178. Cabloco Ventania 2
  179. Pomba Gira No Bode
  180. Cachoeira e Cachoerinha
  181. Amigo de Lampião
  182. Cosme e Damião na Cabeça de vocês
  183. Santa Barbara Virgem de Coroa
  184. Bate palma pra Damião
  185. Mariazinha da Beira do Rio
  186. Veio Janaina Sereia de Iemanjá
  187. Iemanjá rainha do Brasil
  188. Teu Pai É Lindo
  189. Ele é pai
  190. Navio de São Salvador
  191. Caboclo Tupaíba
  192. Cabloco Maragaia
  193. Filho de Sereia
  194. E do querer
  195. Laroye Popogire
  196. Nas águas Da Cascata Que Oxum Apareceu
  197. Ponto de Bomba-Gira cigana Nadjara
  198. Santo Guerreiro
  199. Rio de conchas
  200. Vó sofia é…
  201. Nop meio do caminho
  202. Carroagem Que Ogum Ganho

TIPOS DE OGÃS

A palavra “Ogã” significa originalmente “aquele que bate, toca e canta”. Entretanto, com o passar dos tempos, torna-se cada vez mais difícil achar um Ogã que ao mesmo tempo “bata” corretamente para todas as vibrações e igualmente cante. Então surgiram as denominações:

  • Ogã de canto – aquele que só emite as curimbas;
  • Ogã de atabaque – aquele que “bate” em busca das vibrações;
  • Ogã de caboclo – embora já não seja mais realizada, a preparação do Ogã de caboclo refere-se a uma segurança muito importante para aqueles que, pelo toque dos atabaques, atraem as diversas falanges.

ATRIBUIÇÕES DO OGÃ

 

  • preparar o atabaque;
  • cuidar do atabaque;
  • puxar todas as curimbas do terreiro, mediante a orientação do Babalorixá.  O Ogã precisa ser feito no santo para saber diferenciar os toques próprios de cada Orixá e falange;
  • conhecer os pontos da gira mediante a orientação do Babalorixá;
  • preparar novos Ogãs, ensinando-lhes o uso e o trato dos atabaques.

OGÂNS

Palavra

de origem Bantu que significa: Chefe. Tanto na Umbanda, quanto no Candomblé, este cargo é muito respeitado, porém como este tópico é destinado a Umbanda, falaremos das suas atribuições na mesma.

Dentro de um terreiro de Umbanda o Ogan é tal qual como o nome significa o chefe, aquele que vêm logo após a Mãe ou Pai no santo. Os Ogans não têm incorporação (estado de transe), e assim sendo em todas as vezes que a Mãe de santo ou o Pai de santo estiverem incorporados, os demais médiuns devem respeitá-los, tal como respeitam seu pai ou mãe no santo.

O Ogan é os olhos da mãe de santo ou pai no santo, é a pessoa que observa e coordenar toda a parte ritualística do terreiro, para que tudo corra bem. Quando uma entidade é nova ou se faz presente pela primeira vez, é para o Ogan que ela se apresenta, e diz o seu nome, sua origem e risca o seu ponto, isso sempre na ausência da Mãe ou Pai no santo, quando os mesmos estão presentes , apenas chamam o Ogan para participe da conversa assim como da leitura do ponto. Na verdade o Ogan é como um fiscal.

Além desta importante função o Ogan têm outra função, que é a de cantar e tocar os atabaques para que as entidade possam trabalhar, para tanto o mesmo é conhecedor de todas os Ponto “Cantigas”, e para que serve cada um deles. O Ogan também é responsável por ler o ponto riscado da entidade e saber se corresponde realmente ao que ela está propondo ser.

Existem três Ogans normalmente em cada casa, porém o Ogan que têm todas essas atribuições chama-se Alabê (O Ogan de sala) que geralmente é o mais antigo, e é Ogan do santo da mãe ou do pai no santo da casa. Como é feita a escolha de um Ogan: Dentro da Umbanda, a escolha do Ogan pode ser feita pelo Dirigente (Pai ou Mãe de santo) ou ainda por um determinado Orixá de Umbanda.

A partir deste momento ele passa por um período de aprendizado e logo após este período é Coroado. Entretanto caso o mesmo seja Ogan de atabaque, somente poderá prosseguir para coroação, uma vez que autorizado pelo Ogan mais antigo, que fará provas com o novato a fim de saber se o mesmo aprendeu os ensinamentos. Um bom Ogan consegue perceber quando determinada entidade está por vir, sé é realmente um espírito doutrinado ou não.

Normalmente em um terreiro de Umbanda que haja doutrina e hierarquia, o Ogan pode até mesmo solicitar que determinada entidade vá embora por não se comportar dentro da doutrina ritualística. O que um Ogan fala, a mãe ou pai no santo assina em baixo, é a pessoa de mais alta confiança, se por ventura o Ogan tomar uma decisão ou dar uma ordem que o dirigente não goste, o mesmo chama o Ogan no quarto de santo, e junto com o pai e ou a mãe pequena os três conversam separadamente sem que os médiuns tomem conhecimento.

Isto porque dentro da doutrina Umbandista, os mais graduados não se chamam a atenção na frente dos mais novos é uma questão de hierarquia e respeito. Os atabaques de Umbanda na realidade são Barricas, que são repercutidas com as mãos, assim como no Candomblé os atabaques comem “Oferendas”, se oferece oferenda pelo fato de trata-se de um espírito também, por este motivo na Umbanda, todos batem cabeça para os atabaques, inclusive as entidades. Hoje em dia ainda existem casas em que os filhos tomam à benção ao Ogan mais velho em respeito ao seu Orixá (Coroado – Ifarí) e pelo fato de ser o segundo chefe da casa, faz parte da doutrina.

Assim como devem tomar à benção a Babakekerê ou Iyákekere (Pai pequeno ou mãe pequena) e esses trocam à benção com o Ogan. Quando os Orixás de Umbanda se apresentam, o Ogan mais antigo levanta-se e toca o ADJÁ (Instrumento que faz parte dos que emitem os sons vibratórios para os Orixás) cantando e acompanhando o santo, enquanto os demais tocam os atabaques. Dentro da Umbanda, somente o (a) Dirigente, a Mãe ou Pai pequeno e Pai Ogan, devem tocar o ADJÁ, por serem os mais graduados e porque o ADJÁ deve ser tocado por pessoas e nunca por outros espíritos. O ADJÁ emite um som que é tido como sagrado assim como os atabaques, e assim como os atabaques não são tocados por qualquer um.

Para o Orixá este conjunto de sons somado ao ponto cantado emana uma vibração adequada para o transe e faz parte do ritual. Se na Umbanda com exceção dos Orixás de Umbanda, as demais entidades estão em permanente evolução, os mesmos não podem tocar o instrumento para o Orixá. Esta doutrina inclusive de tocar o ADJÁ é bem semelhante no Candomblé, sendo que na Nação apenas algumas outras pessoas podem tocar, e sempre quando é passado de um para o outro, quem está passando (Independente de cargo) deve se curvar, o que recebe após pegar instrumento se curva também. Dentro da Umbanda existem apenas estes três Ogans, todavia na tradição Yoruba, existem diversos outros Ogan’s, exemplo: de folhas Babalosayin, de matança Asogun etc.

Como na Umbanda não há sacrifício de animais, quando é necessário se chama alguém Iniciado e com o que chama de “Mão de faca”, para Imolar o animal.guarda roupa planejado

[/dropcap]